A questão devocional

Ziel Machado
13/9/2018
Devocional

O que acontece com um Cristianismo que já não mais se prostra diante de Jesus Cristo?

Quando reencontro meus amigos e amigas, vou logo abrindo os braços e me esparramo no abraço celebrativo do reencontro.

O apóstolo João reencontra seu amigo Jesus,aproximadamente 60 anos depois da morte e ressurreição do Senhor, mas ele não se lança no seu abraço, sua atitude é distinta. Ele descreveu assim este reencontro:

“quando o vi, caí aos seus pés como morto. Então ele colocou sua mão direita sobre mim

e disse: “não tenha medo. Eu sou o Primeiro e o Último. Sou Aquele que Vive. Estive

morto mas agora estou vivo para todo o sempre! E tenho as chaves da morte e do Hades” (Ap 1.17).

Que amigo é este que, ao reencontrá-lo, João se prostra diante dEle? Um Cristo reduzido a um argumento me coloca de joelhos? Se já não me prostro diante dEle, no que terá Cristo se tornado para mim? O que, ou quem, me coloca de joelhos?

Diante dEle, de joelhos, ninguém tropeça.